Campeonato do Nordeste: A esperança (Parte 1)

                                                                                                                                                                                    Por Victor Hugo*
Enfim vamos ter um campeonato do nordeste apoiado pela CBF e sem o boicote de alguns times que simplesmente preferiram trair a região sem minimamente dar satisfação a seus torcedores.
Mas desta vez vai! Tem que ir! É a esperança dos clubes nordestinos deixarem de ser reféns e coadjuvantes dos clubes do Sul / Sudeste. É a esperança de mostrarmos para a nossa população de que muito mais vale a pena valorizarmos o que é nosso, do que consumirmos o que os outros nos empurram goela abaixo, com a forte manipulação da grande mídia que tem como único objetivo valorizar poucos clubes do “sudeste maravilha”, facilitando o alcance dos produtos dos patrocinadores que lhes rendem bons dividendos.
Temos que seguir os bons exemplos. Rio Grande do Sul e Minas Gerais já provaram que é possível valorizar o que há na terra e conseguem ter clubes competitivos, bem estruturados, e com boa situação financeira. Porque que nós nordestinos não seríamos capaz de também ter clubes que orgulhem a maioria de nossa população, e não apenas um percentual de nossas capitais?
 Infelizmente, da maneira que o futebol brasileiro se encontra, todos nós sabemos que é extremamente improvável uma conquista nacional por clubes nordestinos, ainda mais em torneios de pontos corridos. O Nordestão deverá se torna no grande torneio em que nossos clubes almejam conquistar com reais condições. E só com o fortalecimento dessa competição nos próximos anos, que certamente permitirá o crescimento dos nossos clubes (principalmente dos mais organizados e estruturados), é que conseguiremos diminuir a diferença absurda com os times dos grandes centros. E aí sim, quem sabe, poderemos um dia competir nos torneios nacionais com mínimas condições de sucesso.
O Campeonato do Nordeste certamente melhorará a autoestima de nossos clubes e principalmente de nossos torcedores. A competição volta em um momento importantíssimo que é a véspera da Copa do Mundo no Brasil, quando teremos excelentes estádios novos e de ponta (só no nordeste serão 4 para a Copa, fora outros que estão se modernizando). Nossa região terá mais uma vez a oportunidade de mostrar para o país a sua força e sua capacidade de reagir.
Aproveitando esse momento, traremos nos próximos textos um levantamento da participação dos clubes nordestinos nos Campeonatos Brasileiros, dando ênfase na era dos pontos corridos (que completa 10 anos agora em 2012) e comparando com as décadas de 70 a 90. Traremos também um histórico dessa competição regional que chegou a se consolidar no final da década de 90 e início dos anos 2000, até ser lamentável e covardemente boicotada.
* Texto publicado originalmente no brioso Futebol Bahiano. 
Anúncios

13 Respostas to “Campeonato do Nordeste: A esperança (Parte 1)”

  1. Juvenal Says:

    Desculpe, mas acho muito positivista achar que o CE vai dar certo, pelo menos nas próximas décadas,
    Não adianta ter apoio da CBF, se ainda existem clubes (não o nosso) e federações (que nem deveriam existir) viciadas nesses campeonatos estaduais falidos e sem graça.

    Sem falar nos torcedores de itinga, que preferem mil vezes comemorar uma vitória sobre o juazeirense do que ter o time jogando uma competição decente, queria o CE.

    Alias, o itinga tem sua parcela de culpa ao se posicionar junto à federação baiana, que é contra a CE por motivos óbvios.

    Espero que eu esteja errado, mas enquanto houver estadual, o nordestão não irá decolar e seremos reféns das federações, ao invés de termos nossa própria liga.

  2. Adonias Souza Says:

    Bom Noite e SRN!!!!!!!!!!!!!
    Varias perguntas a quem quiser responder:
    1- Os torcedores terão condições financeiras de arcar com esses custos em relação a compra de ingressos?
    2- O povo do nordeste sempre sofrendo pelas mazelas dos governos vai ter mais uma “alienação” para esquecer seus sofrimentos?
    3-A renda de bilheteira servirá para que?, se provavelmente não teremos boas arrecadações, devido a pouca qualidade de algumas agremiações?
    4-Esses investimentos que são estipulados, darão condições de sobrevivência aos clubes de menor porte?
    5-Por que as Federações, deixando bem claro que elas depende dos clubes, sempre comendo dessa fatia sem contribuir em quase nada, vai estar ao lado dos clubes e questionando direitos dos mesmos junto a CBF?
    Vou encerrar com os questionamentos para não dificultar a interpretação de vcs.
    Abraços à todos

  3. edgar tolentino rodrigues Says:

    o esporte clube vicetorinha que e da bahia ex leaõ sem juba da barra sera o nmeu eterno rival de tanto que eu tiro sarro desse time que diz que joga futebol . eestou sabendo que eles quer por uma estrela da pauperrima serie babaca. olha seus descamisados e so dar uma cabeçada na quina de uma pedra que vioces verão muitas estrelas. acorda bando de desconhecidos.

  4. edgar tolentino rodrigues Says:

    vicetorinha se voces querem uma estrela vao ate os mares de salvador que irao ver muitas estrelas, parem de sonhar e joguem bola de verdadepara que voces consigam numa boa viajar ate barueri comendo uma asa e aprendendo o abc.

  5. Adonias Souza Says:

    Kade meu comentario ,não botou por que? tem censura no site é

  6. Marcos Says:

    Juvenal

    CE é campeonto cearense?? rsrs

  7. Uilian Sales Says:

    Assistam o vídeo com a nova música do Leão, é uma homenagem a nossa linda e imensa torcida.

  8. edgar tolentino rodrigues Says:

    esse leaõzinho sem juba não passa de um gato de rua sem dono. já começou a decadencia avaí 2 leão sem juba 0.

  9. edgar tolentino rodrigues Says:

    desde quando campeonato do nordeste se escreve com CE ,cuidado burros negro que o mobral vai te pegar.

  10. Guache Marques Says:

    Prezado Victor Hugo, vocês deveriam filtrar esses comentários dos pobres sem lar de lá de itinga que vem aqui deixar seus impropérios contra nosso glorioso VITÓRIA, 5 vezes campeão do Nordeste. Os caras só estão aí por obra e graça dos anti-deuses do futebol e das falcatruas em campo e nos bastidores. Ficam enaltecendo as estrelinhas do século passado na camisa feia. Caso o VITÓRIA consiga ser campeão, o que, falando sério, não acredito com o futebol pequeno que passou a apresentar nesse 2o. turno, tem que colocar sim a ESTRELA e se vangloriar desse feito. Um campeonato aguerrido, ganho com garra e determinação, 38 partidas e não 4 ou 6 de 1959 (sic!), determinam a grandeza dessa estrela, caso venha! Abraços e que a sorte volte a sorrir pro nosso lado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: