SMV : NÃO AO RETROCESSO

O porquê do tratamento desleixado que a diretoria do Esporte Clube Vitória tem dispensado ao torcedor é um dos mistérios mais insondáveis da sociedade contemporânea. Parece que os dirigentes atuam no cotidianamente apenas para confirmar aquela sentença do Barão de Itararé: “De onde menos se espera…daí é que não saí nada mesmo”.
E na área de marketing, então, parece existir um esforço extra neste sentido. Pilhas de livros já foram escritos tratando da (in)ação deste Departamento , e, em especial, sobre o descaso e a falta de respeito com que comumente são tratados os sócio-torcedores do Clube. Mas, pelo visto, parece que ainda serão necessárias mais algumas bibliotecas.

Por certo, até mesmo o velho e guerreiro Chacrinha (aquele que “veio para confundir, não para explicar”) ficaria indignado e surpreso com a mais nova barafunda em que se meteu o programa de fidelidade Sou Mais Vitória (SMV). Para nossa sorte, tal situação, vai sendo, aos poucos, desvendada por torcedores mais atentos, que gostam de acompanhar de perto a atuação do Clube fora das quatro linhas.

Pois que a tal mixórdia, se não esclarecida a contento e com a máxima urgência, poderá trazer enormes prejuízos a um considerável número de pessoas em curto período de tempo. Senão, vejamos: de uns tempos pra cá, sócios-torcedores do Vitória começaram a perceber que, após realizada a renovação de seus respectivos planos SMV, a nova carteirinha expedida não informa com a devida clareza a data de ingresso do cidadão no referido Programa. Lá consta apenas um lacônico “DESDE” seguido da data da renovação em 2012. Uma frase solta, perdida no verso do cartão.

Sim, mas, aquele “DESDE” significa exatamente o quê? É “sócio desde” ou “renovado desde” ou “admitido desde”, ou “válido desde”, ou…? Mistério. Curiosamente, feita a mesma pergunta a 5 funcionários diferentes, obtém-se 5 respostas também diferentes.

E, mesmo para quem ainda não renovou seu plano em 2012, a carteira anterior TAMBÉM não faz referência clara, expressa e objetiva à data de ingresso do torcedor no Programa SMV (o que, ainda por cima, dificulta sobremaneira o controle da data de vencimento). Aliás, neste particular, mais confusão e omissão: alguns funcionários (do Clube e do SMV) dizem que há tolerância de 30 dias (para mais ou para menos) para se considerar a renovação sem ininterrupção do vínculo. Outros, porém, já dizem que são apenas 15 (quinze) dias. Outros, ainda, 10 (dez) dias. Na verdade, ninguém se entende. Há casos de sócios que renovaram 1 (um) dia depois do prazo e obtiveram, no ato, na lata, a singela informação: “Perdeu, playboy! Não há tolerância alguma! Sua renovação começa a contar somente a partir de hoje! Todo seu tempo anterior? Isso não te pertence mais…”. Só pra variar, os documentos oficiais do Clube (estatutos, regulamento do SMV, etc.) não trazem absolutamente NADA a respeito do assunto.

E a confusão só se agrava e se espalha. Mais ainda na medida em que entram em cena os tortuosos labirintos da informática: pelas informações até aqui coletadas informalmente, parece haver diferentes sistemas de controle de sócios: um feito pelo E.C.Vitória, outro utilizado pelo Programa de Fidelidade SMV e mais outro disponibilizado no site do Clube, na “Área do Associado”. Agora, se com apenas 1 sistema de cadastro já há margem para falhas, imaginem todos estes operando ao mesmo tempo…

Pra completar (e pra meu desespero), ao tentar buscar minhas informações na tal “Área do Associado” não consegui acesso de jeito nenhum. Fui obrigado, então, a ser protagonista involuntário do seguinte diálogo (insólito, mas não menos insano) com o telemarketing do SMV:

– Sim, então, como me cadastro no site?
– Sr., o Sr. tem que estar colocando seu o e-mail como login.
– Mas aparece a mensagem: “Senha ou usuário inválido”.
– Então o Sr. vai poder estar clicando em “Esqueceu a senha?” para estar pedindo uma nova senha.
– Mas eu não quero senha. Quero me cadastrar como usuário!
– Sr., o Sr. precisa estar clicando em “Esqueceu a senha?” para que possamos estar entrando em contato com o Sr.
– Já fiz isso, mas aparece outra mensagem: “Este e-mail não foi encontrado na nossa base de associados”!!
– Então o Sr. não está cadastrado na base de dados do site, Sr.
– Mas esta foi exatamente a minha 1ª pergunta!! Como me cadastro no site?!?!
– Sr., o Sr. tem que estar colocando o seu e-mail como login…

Neste momento, sinto piscar um letreiro na minha testa, escrito: O-TÁRIO, O-TÁRIO, O-TÁRIO! Vergonha (própria e alheia) foram tão grandes, que ainda agradeci antes de desligar.

Mas, acreditem, fica ainda pior: há notícia de casos em que sócios-torcedores aparecem com UMA DATA IMPRESSA NO CARTÃO e OUTRA DATA DIFERENTE NO SISTEMA DO SMV. Também casos de datas divergentes entre os sistemas do SMV e do site (a infame “Área do Associado”). Carteiras e recibos de inscrição com informações conflitantes também começam a ser denunciados. Isto sem falar na extrema dificuldade de acesso a informações oficiais e precisas sobre tão importante assunto.

Nestas condições, tal imbróglio poderá imputar enorme transtorno ao sócio-torcedor. Muito longe do que apregoa, o Clube não costuma adotar a menor transparência nesta relação que, em primeira instância, é uma RELAÇÃO DE CONSUMO como outra qualquer, isto é, possui garantias expressas nos diversos diplomas legais do país (Estatuto do Torcedor, Código de Defesa do Consumidor e na própria Constituição Federal). Fica, então, a pergunta: trata-se de um simples descaso, singela incompetência administrativa ou conveniente estratégia política?

Ora, ora, ora. Ninguém é menino. Não por coincidência, esse registro e controle de datas é absolutamente FUNDAMENTAL PARA AQUISIÇÃO DO DIREITO DE VOTO previsto pelo Estatuto do E.C.Vitória. A partir delas, conta-se 18 (dezoito) meses, para aferir se o sócio tem direito de votar. Lembro agora, inclusive, do nefasto episódio ocorrido na última eleição do Vitória (em Dezembro/2010), no qual alguns sócios-torcedores foram surpreendidos na portaria do Clube e impedidos de participar da eleição. Molhados de chuva e humilhados por “não constarem na lista”. Lista esta que, diga-se de passagem, não se sabe quem elaborou, de onde surgiu e sem jamais ter sido levada ao conhecimento dos principais interessados (os sócios-torcedores do Vitória) com a devida antecedência, ou seja, ao completo arrepio dos valores e das instituições democráticas do país.

Em resumo, hoje e agora, pouquíssimos são os torcedores do E.C.Vitória que têm a plena certeza da sua condição de sócio perante o Clube: se seus dados estão corretos, se seus direitos estão preservados hoje e se estarão quando da próxima eleição, em Dezembro de 2013. De tudo, uma única certeza: há muita coisa obscura e sem explicação plausível até o momento. Assim é que esta mensagem, longe de possuir um tom acusatório, infamante ou tumultuador, tem o único objetivo de ALERTAR O TORCEDOR RUBRO-NEGRO para que esteja sempre atento e que faça valer o seu direito! Quem ama o Vitória certamente apoiará qualquer medida que evite os transtornos do passado e que se apóie firmemente na preservação da democracia, da transparência e do respeito ao torcedor.

Anúncios

33 Respostas to “SMV : NÃO AO RETROCESSO”

  1. Marcio Melo Says:

    Fiquei PUTO quando acessei o tal area do associado e vi lá um sócio desde 2011.

    Mas eu sou sócio desde 2009 e sempre renovei com, pelo menos, uns 30 dias de antecedencia do prazo final

  2. Roberto Carluc Says:

    Quando se entra para o SMV ou faz-se a renovação, recebe-se um mini-termo. Nele, constam todos os dados e datas e,como um contrato, são assinados. Aquilo ali tem valor legal e, até prova em contrário, mais peso que a própria carteira, podendo até substituí-la. A dica é simples: guardem o documento de adesão e todos de renovação. Já serve de prova para alguma coisa.

  3. Bruno Blumetti Says:

    E eu também não consigo acessar a área do associado, o mesmo problema…

  4. Mateus Says:

    No dia dos namorados ganhei o maior de todos os presentes desse dia, minha companheira liberou que eu usasse o cartão dela para me associar ao SMV, tô sem crédito a algum tempo.

    Feliz da vida fui com ela no Paralela Shopping, Loja do vitória, no horário de almoço, fui atendido por uma garota mal humorada pra caralho que me informou que a impressora tava quebrada, que não era possível realizar o procedimento. Insiste, pedi que salvasse no penis drive que eu imprimiria na lã house ao lado, mas nada, ela disse que não era possível, e que era pra eu ir no Salvador Norte. Voltei pro trabalho, rezando pra dá 18 hrs logo!

    18:15hrs, saí voando com minha companheira pra esse tal de salvador norte, acreditando que daria tempo de me associar e ainda correr pro Barradas pra vê o espetáculo. Chegando lá, o atendente era mais broder, porem informou-me: “A impressora tá quebrada não dá pra fazer hoje não meu velho, só se tu for lá no Capemi.” Mais uma vez dei a idéia do pênis drive, coisa e tal, mas, nada!

    Preciso dizer como fiquei? Podia ter desistido! Não demonstraram nenhum interesse para acolher mais um sócio! uma loucura!

    Por fim, paguei o ingresso, saí feliz da vida com a brocada que o LEÃO deu no guarani e, na quarta-feira, fui ao CAPEMI e agora sou o mais novo sócio do LEÃO!
    Obrigado meu AMor, pelo presente de Dia dos namorados!
    Tô feliz da vida!
    Bjos Osana Barreto! Agora, Te amo ainda mais!

    SRN!!!!!

  5. Peterson Says:

    Acabei de entrar no site e constatei exatamente isso! Sócio desde 25/07/09 aparece na área de associado Adesão desde 25/07/2011. Mandei uma mensagem para ouvidoria e vamos ver o que vai dar. Segue link:
    http://www.ecvitoria.com.br/ouvidoria
    (71) 3393 3930

  6. banditnunes Says:

    Fui uma das vítimas desde serviço que não respeita seus consumidores.
    Pois estarei tomando as providências legais a que a mim estão disponíveis e lutarei até o fim pelos meus direitos. Espero que todos que estejam nesta situação que façam o mesmo.
    Tenho nojo de ligar para estas rádios que transmitem futebol aqui no estado, mas se preciso for apelarei até para as mesmas para mostrar o descaso e irresponsabilidade que o sócio torcedor é tratado.

  7. André Taz Says:

    Eu fui até a loja do SMV para fazer a renovação de meu plano, que havia vencido em agosto do ano passado, na semana passada. Fui informado que a data de assinatura do meu plano que constaria na carteira seria a partir de 2012, desconsiderando os dois anos anteriores em que eu me mantive associado. Que eu não teria direito a participar da eleição pois segundo o estatuto o associado deveria ter 02 anos initerruptos de SMV. Eu discordo dessa interpretação, ainda mais por que ainda tem menos de um ano de vencimento a minha renovação anterior. A funcionária inclusive justificou essa alteração comparando o SMV a um plano de saúde, então eu disse a ela “a minha relação com o Vitória não a mesma que tenho com o meu plano de saúde”. Você bem sabe como já contribuí como torcedor para o nosso clube e simplesmente eu não aceito essa norma de esquecer o tempo em que eu permaneci como associado. Sempre tive SMV por desejo de colaborar, não para obter desconto em ingresso, tanto que se você consultar o histórico verá que em 2009, mesmo sendo associado não fui à maioria dos jogos.

    Me afastei do clube por razões pessoais, estava cuidando de meu filho recém nascido e da minha esposa, e não tive condições de ir fazer a renovação no prazo correto. Por isso não posso ser tratado da mesma maneira que um torcedor de “primeira viagem”, alguém que vai assinar pela primeira vez.

    Fui lá não só para renovar meu SMV, mas também para cadastrar minha esposa e meu filho recém nascido (embora nem precisasse), mas se o Programa SMV não tem condições de ter o bom senso de me tratar de acordo com a minha história de colaboração com o clube, não tenho interesse em renovar e não recomendarei a se associar, pois está claro que essa administração considera os torcedores do Vitória apenas “como consumidores”, nada mais.

    • jbassu Says:

      Mas ai eh que esta Andre, eles fazem isso justamente para que o torcedor desista.
      Nao desista nao, pois no momento, esta eh a unica forma de participar de uma maneira ativa no clube.
      Um abraco.

  8. André Taz Says:

    Esse foi o email que eu escrevi para o SMV.

  9. Marcos Vianna Says:

    Caracas!! Sou sócio do Leão desde 2009 e NUNCA renovei meu SMV depois do vencimento. Quando fui olhar o meu cadastro agora me deparei com a mesma situação de todos por aqui: Adesão desde 2011.

  10. Duilio Camardelli Says:

    É o seguinte: analisei e constatei.
    O contrato é por um periodo de 12 meses.
    Para enganar os torcedores o que ele faz?
    R – diz que dará o direito de voto quando completar 18 meses.
    Só que: todo ano ele faz com que vc renove e não explica nada desse periodo de mais seis meses, justamente para te confundir.
    O correto seria o prazo de 01 ano e o6 seis meses, mas como sabe que os campeonatos se encerram em dezembro, ele começa tudo do zero, ou seja toda renovação é considerada um contrato novo, e não uma continuação do anterior, aí é que está a questão.
    Eles fazem isso, porque se o time for bem, automaticamente o torcedor renova, caso contrario ele interrompe, isso chama-se estratégia da enganação, como em nosso pais normas, regras e leis são abrutamente desrespeitados e não dá em nada,conclusão tamos fudidos.
    Fácil né.
    Interpetração de um dos enganados.
    Abçs

  11. Duilio Camardelli Says:

    Complementando: quem diz que o torcedor terá direito a voto, é o programa não o contrato, ou estou enganado?

  12. André Novaes Says:

    Sou sócio SMV desde 2008, peguei a nova carteira na renovação em 2009 (plano prata 01003730) que indica a data início 12/01/2009. Utilizo essa mesma carteira até hoje e nunca atrasei renovação. Constatei também na área do associado que eles alteram a data de adesão quando ocorre renovação.
    Quem possui essa carteira que indica data de início anterior a maio/2012 deve guardar pois é o único lugar que comprova a data real de associação ao programa, a questão seria provar que nunca houve atraso na renovação.
    De alguma forma temos que exigir uma explicação de como o clube vai fornecer a lista de associados habilitados a voto.
    Essa lista deve ser solicitada o quanto antes, quanto mais cedo melhor…

    • Jucimar Santos Says:

      O Movimento Somos Mais Vitória já fez a solicitação à diretoria do ECV da relação dos sócio-torcedores cadastrados no SMV até 31 de maio de 2012 (prazo limite para que os 18 meses de direito a voto se completem). Até agora, nenhuma resposta…

  13. Otto Says:

    No site o meu plano consta Adesão: 11/01/2012. Absurdo, eu sou sócio desde 2007. Meu cartão com chip diz 2008, mas ainda tenho o antigo (com foto) com a data certa.
    Nesse período eu talvez tenha renovado após o vencimento, mas tenho certeza que, se isso aconteceu, foi por questão de dias.
    E pelo menos nos últimos anos eu sempre renovei antes de vencer.

    A única época em que houve respeito ao torcedor foi quando Eric ou Bruno faziam parte do marketing do Vitória e facilitavam as coisas. Lembro que minha adesão foi feita pela internet, sem burocracia alguma. Hoje tudo é confuso e complicado.

    • J Mocota Says:

      Mocota muito feliz por você ter retornado, Otto.

      Leve fé!!!

      Ps – Alguém sabe dizer por onde anda Eric e Bruno que não volta para arrumar a casa???

      Hã? Hum? Hein?

      Avante Leão!!!

  14. Mirne Says:

    Hahahahahaha, é a treva!!!!!!!!!!!!

  15. Luis Joacy Barreto de Matos Says:

    Também entrei nessa área de associados nesta data e lá consta a data da minha última renovação como sendo a data da minha associação. Ainda que o contrato inicial seja de doze meses, como afirma Duílio, se esse contrato é renovado, sem quebra de continuidade, a data de associação deve ser a originária. Assim, sob esse aspecto há uma incorreção. Vou me reportar ao serviço de contato com o associado para esclarecer esse aspecto.

  16. Paulo Figueirêdo Says:

    Seo Franciel,

    Se me permite vou sacanear um pouquinho com essa coisa do SMV.
    Vou sacanear mas no bom sentido. Esse são os nossos dirigentes que no dia-a-dia tentam tirar dos torcedores um pouco de interesse pela melhoria dos seus clubes.
    Escrevo aqui pois, se no vicetória da Bahia tá assim, imagine lá no Fazendão!
    Acho que o Bahia também deve ter um bocado dessas mumunhas, de caixa preta ou seja lá o que queira se chamar.
    Agora, falando sério, acho que as coisas sempre foram assim. O descontrole é um forte aliado da incompetência.
    Valeu !!!

    Saudações Tricolores !!! BBMP

  17. Fernando Soares Says:

    Grande denúncia! Obrigado Franciel! Vamos aproveitar a indignação geral e, junto com o MSMV e Ministério Público, vamos partir pra cima dessa diretoria incomeptente pra DAR O TROCO QUE ELES MERECEM!

  18. Baka Says:

    Relação de consumo meu filho! Se os bebedores de coca-cpla tiveram êxito pq acharam que o liq. estava com gosto diferente imagina uma coisa dessa? Formemos uma associação dos toecedores oficiais e entremos com um recurso no PROCON. O ganho em R$ poderá até ser utilizado como doação, mas afirmo que vai ser um pega prá capá da porra, principalmente com a participação da fraca imprensa baiana que ñ tem poder p/observar furos dessa magnitude.

  19. edgar tolentino rodrigues Says:

    bonita a sigla smv ficaria de bom tamanho a sigla smvo, ou somos memos vice orgulhoso, vitorinha que e da bahia para voce fiar grande suba no no pico himalaia

  20. Henrique Dantas Says:

    Franciel, você sbe que existem muitos pontos que aproximam as torcidas do BAVI e esse é um deles. Quem poderia representar uma ação conjunta contra os dois times e suas eternas diretorias, quanto ao respeito as leis que regem o bom senso e o país…. Manifestações que porventura apareçam na mídia de forma estratégica, nos estádios, ao lado do placar, das bandeiras, etc…
    Na Bahia sai governo e entra governo e a ditadura muda de forma de ação, nos clubes é a mesma coisa, na cidade, etc….. Estamos com uma crise de representatividade absurda e temos que arranjar um caminho para essa situação que continua favorecendo os corruptos e espertos….. E que as torcidas organizadas saiam desse esquema vicioso e perverso de apoiar as diretorias….. Como em tudo na vida, posso estar enganado….

  21. canijah de moreré Says:

    Como diz Sônia Braga: “isso é uma dança de rato”. Querem nos afastar propositadamente do sufrágio. Não entendo tamanha confusão que não seja comprometedora aos direitos do cidadão. O tribunal de contas do Estado é um bom exemplo; também se confundiu ao omitir 640 milhões do FUNDEB, valor destinado ao pagamento dos professores da rede estadual. Tá phoda companheiro. Mobilizar-se é preciso, se não o descaso trará para alhures a ideia de não pertencimento de um patrimônio que é nosso.

  22. roberto jose queiroz machado Says:

    Amigos,

    Acredito que no nosso grupo tenha um advogado que possa nos orientar sobre o assunto, pois acredito que seria interessante entrarmos com uma ação na justiça solicitando um maior esclarecimento , pois além de sermos sócios somos cliente e a defesa do consumidor pode acabar nos ajudando neste tipo de assunto. Acho que nessa hora temos que mobilizar todas as forças para tentarmos reagir a este tipo de descaso da diretoria do Vitoria.
    Abraços a todos,

    Roberto Machado

    • Silas Lopes Says:

      Eu confesso que não analisei amiúde os estatuto do clube e nem o contrato de regulação do programa SMV, Roberto (e os demais que tocaram no assunto), mas, a princípio, do ponto de vista jurídico, acho que temos duas relações que não necessariamente se tocam.

      Como adquirentes do pacote SMV, firmamos amparada pelas normas de de direito das relações de consumo, pela qual o time/fornecedor é obrigado a esclarecer pormenorizadamente as cláusulas do pacto, dentre as quais, a existência ou não de renovação automática, bem como os efeitos da descontinuidade entre o fim de um ajuste e o começo de outro. Lembrando que toda questão não esclarecida deve ser interpretada em favor do consumidor, no caso o aderente ao SMV.

      Noutro giro, um dos ‘produtos’ inclusos no tal pacote é o direito de virarmos uma espécie própria de sócios do clube, no caso, sócios-torcedores. Como sócios, inauguramos com o Vitória uma relação de direito societário, pela qual os sócios controladores/administradores devem igual prestação de contas aos minoritários/administrados. Nesse caso, preciso ver se o estatuto garante o direito ao voto a todos os “sócios que tenham 18 meses ininterruptos de associação” ou se aos sócios que o sejam há, pelo menos, 18 meses. Penso que a primeira redação daria à direção o ‘direito’ de desconsiderar os períodos anteriores à última renovação descontínua, caso contrário, o direito a voto dos sócios-torcedores que estejam nessa situação bem pode ser garantido judicial e previamente às eleições.

      Finalmente, em qualquer caso, essa coisa de desconsiderar os períodos anteriores de quem buscou a renovação no último dia (ou primeiro dia útil subsequente) da vigência do plano, não se sustenta de modo algum.

      Além de questionar formalmente a direção, coisa que faremos com brevidade, devemos ficar atentos à tal lista dos que têm direito a voto, para que possamos contestá-la, acaso omita o nome de alguém que devesse aparecer lá.

      Espero ter ajudado. Quem tiver alguma dúvida ou crítica, pode me contatar via e-mail (silas_lopes@hotmail.com).

      Abraços,
      Silas Lopes.

  23. Mirne Says:

    É a treeeeeeeeeeeeeeevaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!

  24. edgar tolentino rodrigues Says:

    mesmo sendo mais vice tenho orgulho bbbbboooooorrrrraaaaa msmvo

  25. Felipe Luchiari Says:

    Alguem pode me dizer onde que eu vejo o “sócio desde tal data”?? Só consigo ver, adesão em tal data. o que é diferente ne??? Tanto que esse ano eu renovei minha carteira 1 mês ANTES de vencer, entao com certeza, no minimo, terá sócio desde 2011.

  26. Fernando Says:

    Muito “conveniente”, a carteira anterior tem “Data Início” (mas não diz se é início da associação ou da renovação) e a nova tem “Desde” e também não faz nenumha referência. MP neles!

  27. Sou Mais Vitória ou "Sou Mais 'Mulher de Bandido'"? | Arena Rubro-Negra Says:

    […] Victoria Quae Sera Tamen Leia […]

  28. renandiego Says:

    Françuel no meu cartão tem data de inicio 29/04/2009 e no site na area do associado tem a informação: adesão 29/04/2012 .
    Sendo que nunca deixei para renovar após vencido,como quando renovei não troquei o cartão continuo com a informação no mesmo, porem meu irmão que trocou o cartão está com a data q ele renovou.

    • Felipe Luchiari Says:

      Velho, minha adesão ta em 29/03/12 sendo que esse ano eu renovei 1 mês antes de vencer. Isso quer dizer que eles só me consideram socio a partir desse ano? Porra é essa?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: