NINGUÉM CALARÁ ESTA VOZ

O Ministério Público, a Puliça e o  Caralho Aquático têm feito de tudo para transformar a revolucionária chibança de hoje à noite num baile de debutantes. Querem proibir tudo. Porém, em verdade lhes digo.  A madeira vai gemer em 29 idiomas e 18 dialetos. Para que vocês tenham idéia de como será a disgrama, leiam este texto abaixo.

NINGUÉM CALARÁ FRANCIEL

Por Claudio Leal

Se o DELEGADO MAGALHÃES  não tomar providências, o Vitória enfrentará oceanos bíblicos e túrgidos para vencer a Copa do Brasil, na batalha definitiva do Barradão. Minha boa gente baiana, o caso eu conto como o caso foi. Ninguém desconhece os poderes de Franciel Cruz, comandante-em-chefe do Nordeste de Amaralina e orientador do Vitória em gramados de Oropa, Boteco do França e Bahia.

Há quem aponte algum toque de “candomblê”, como pronunciaria Fernando Henrique Cardoso, nessa coordenação ludopédica de arquibancada. Zeus não mente e a telepatia de Françuel não usa tambores. Resiste a qualquer baculejo de padres quevedos com sotaque de Walter Mercado.
Mas, convoco o delegado de Itaparica a largar o convento e desvendar uma trama que pretende tirar o título nacional do Vitória. Nem mesmo essa vulvuzela tocando Fumando espero me impedirá de brandir o dossiê aloprado contra uma trama que envergonha a Nação, mancha de sangue os lençois de Duque de Caxias e desvirgina de ladinho Maria Quitéria. Breque.
Na primeira partida contra o Santos, na Vila Belmiro, vasculhei as cadeiras numeradas e não localizei Franciel, nem de vista, nem de madeixas. Adianto-me. Horas antes, por telefone, ele havia me pedido faz-um-favor:
– Esqueci a bandeira na mala. Uma só não será suficiente. Traga outra pra mim.
Nas curvas da estrada de Santos, acompanhado do marechal Eliano Jorge, conduzi a bandeira da mesma forma impetuosa da “Liberdade guiando o povo”, naquele quadro de um pintor francês de parede. Mas, onde Franciel?
A cinco minutos da partida, ei-lo conduzido por três policiais irritantemente bem-humorados, dispostos a retirá-lo da orientação subjetiva do escrete rubro-negro. Meteram-no num chiqueirinho de quina de estádio. Se levamos dois gols dos Moleques da Vila, aí está a origem da covardia: o Santos usou o aparato do Estado para impedir Franciel de passar os macetes a Bida. Como desfecho, confiscaram uma das bandeiras, sob a acusação de que o Cristo do Nordeste de Amaralina provocava o camarote alvi-negro – o que era absolutamente verdadeiro.
De volta a São Paulo, encontro o amigo Altino Machado, essa alma dilacerada do Acre. Um tanto grave, Altino descreveu o diálogo de Franciel com o porteiro do meu prédio, às 5h15 da matina, antes de abandonar a hospedagem:
– Meu irmão, você pode me fazer um favor? Me acorde amanhã às 6h. Eu lhe agradeço.
6h. O interfone berra.
– Já são seis horas? Caralho. Olha, eu vou pedir ao senhor mais um favor: me acorde daqui a meia-hora, porque vou dormir mais um pouco.
6h30. O interfone toca a Marselhesa.
– Seis e meia? Tudo isso? Obrigado, meu irmão. Estou atrasado para o aeroporto.
Pegou umas castanhas embaladas por Altino, atribuiu-as a Chico Mendes, e partiu. Mas deixou no rastro uma surrada camisa do Vitória e as sandálias rubro-negras da humildade. Duas relíquias fundamentais para a coordenação ludopédica na batalha contra o Santos. Atendendo à vulvuzela épica, Eliano Jorge comprou uma passagem para devolver o pendão da esperança a Franciel. Assim estava acertado.
Pois bem, delegado: às vésperas da viagem elianiana, borbulha uma crise aérea cujo objetivo recôndito é impedir a cerimônia de entrega da camisa ao editor-chefe do Victoria Quae Sera Tamen. Arre, ministro da Defesa, não nos curvaremos a essa infâmia. Enquanto o delegado Magalhães não pegar o primeiro ferry-boat em Itaparica, para dispersar a multidão, não arredarei deste café. Que eu já tô de saco cheio.

P.S. 1  httpv://www.youtube.com/watch?v=Q4sUUHgrUDk

 
P.S2 Ontem pela manhã estive no Barraquistão passando orientações aos jogadores e ao técnico Ricardo Silva. Confiram neste linque. http://www.atarde.com.br/fotos/index.jsf?id=5599271#5
 
Anúncios

7 Respostas to “NINGUÉM CALARÁ ESTA VOZ”

  1. Mauricio Ramos Says:

    PRECONCEITO SUBLIMINAR
    Encontrei no Portal do UOL duas “perolas” que demonstram como a imprensa esportiva do sudeste (Rio-São Paulo) tratam os clubes nordestinos e, principalmente, o Esporte Clube Vitória:
    Mnchete p/ final da CB: “Santos encara campo ruim e alçapão rival por título inédito”
    Mnchete p/semi-final da Libertadores: “Contra o São Paulo, Inter defende vantagem gaucha sobre paulistas”.
    Muito sutil, não?

  2. Thales Valença Says:

    Isso tem nome e se chama MEDO !!! ELES ESTÃO COM MEDO !!! POIS SABEM QUE AQUI “EM CIMA” O BURACO É MAIS EMBAIXO! BOTEM PRÁ LASCAR NESSES VIADOS !!! MANDEM VER PESSOAL!!! VITÓRIA CAMPEÃO NESSA PORRA!!!

  3. Thales Valença Says:

    Ah,ainda tem macumba Franciel !!! Acendam velas vermelhas e pretas, coloquem galinhas e pratos de farofa atrás dos gols e do banco de reserva deles!!! Se o Juiz ( que vai roubar de todo jeito,podem esperar e não percam a tranquilidade com isto, pois no fim vencerão!) tiver coragem que vá ele mesmo lá tirar ! Vocês tem que VENCER DE TODO JEITO !!! É HOJE!!! FAÇA A HISTÓRIA VITÓRIA !!! PST!!!

  4. moises Says:

    sêu françuel,

    nem bem fomos campeões (rrumbora vitória!!) e vc já fumou uma cachaça errada da pôrra!

    já estou preocupado com a ressaca, vai durar o resto do milênio pelo visto. boa sorte a todos nós. amém!

  5. Francisco Luz Says:

    Os rubros vencerão hoje e amanhã.

    Umbora Tritória.

  6. Anrafel Says:

    Thales,

    Não deu. Santos 3 a 2. Nos dois tempos da segunda parte do jogo faltou um Carlinhos Bala, aquele daquele dia.

    • Thales Valença Says:

      Amigo,

      Fiquei muito triste com o resultado. Por outro lado a partir de hoje ( e nunca pude imaginar isso ) possuo um segundo grande amor. O Esporte Clube Vitória!

      Mas lembre-se de que quando o Sport foi campeão em 2008 ele disputava sua segunda final de Copa do Brasil. Na primeira edição em 89 fomos vice também. E com um gol ( lindo, com banho de cuia e tudo ) legítimo anulado.

      Vencer como o Santos venceu é fácil. Com a Redbull pagando os salários de Robinho. Proibindo foguetório e sinalizadores no Barradão depois de liberados na Vila Belmiro. Com toda a imprensa ( inclusive da Bahia ) puxando o saco deles. Com o Simon apitando… afinal o primeiro gol deles a bola saiu pela linha de fundo ou não ? Pela TV eles não mostraram. O Vitória jogou desfalcado tanto na primeira partida quanto na segunda não foi? Enfim, vencer assim é fácil. Quer dizer, vencer vírgula, já que o placar foi 2×1 para nós. No meu entender o Vitória só confirmou o que eu já sabia: que é infinitamente mais clube que o Santos.

      Portanto não se sinta menor, muito pelo contrário, hoje o Vitória está maior que nunca. É capa em todos os jornais, é um exemplo a ser seguido por todos, e é invejado por muitos. Clubes como os Atléticos, o Coritiba, Botafogo e Vasco… nunca chegaram a uma final de Copa do Brasil. O Jahéra, o Çanta Cúia, a Barbie coitadas nem sonham com isso.

      Sinta-se orgulhoso. Triste sim , mas orgulhoso porque o Vitória mostrou muita raça e representou muito bem teu estado e nossa região.Foi lindo ver ele jogar. Próxima vez nós conseguimos tu vai ver…

      Abraços do teu irmão aqui de Pernambuco. Estaremos sempre juntos véio!

      Pelo Sport Tudo ! Bora Vitória minha Porra !!!

      Eu sou Leão da Barra, tradição
      Eu sou vermelho e preto.
      Eu sou paixão
      Pelos campos do Brasil
      Nosso grito já se ouviu…
      ô..ô..ô…Ô..ô..ô..
      Ô Vitória!
      Eu sou um nome na História
      Eu sou Vitória com emoção.
      Eu sou um grito de glória
      Eu sou Vitória de coração.
      ô..ô..ô…Ô..ô..ô..
      Ô Vitória!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: