É HORA DE VOLTAR À LABUTA

Agora, com o término daquela embromação na África do Sul, todo brasileiro que ainda possui vergonha na cara tem o inadiável dever moral de se desbruçar (lá ele) sobre o principal problema  que atormenta a nação. Qual seja: A (momentânea) queda no futebol praticado pelo Esporte Clube Vitória.

É fato que, neste primeiro semestre, a equipe Rubro-Negra não chegou a apresentar um futebol de alto nível. Na verdade, nem de nível mediano. Porém, neste período, compensava-se a falta de qualidade com doses extras de raça e garra. Não foi à toa que, sem poder louvar craques ou esquemas táticos, a torcida começou a elogiar o “time de guerreiros”.

No entanto, desde o começo do Nordestão o time juntou dois pecados capitais: falta de técnica e de vontade.

PUTAQUEPARIU A MARESIA!!!

Aliás, a chibança teve início antes mesmo estréia contra o CRB. Na época, sem o mínimo de cerimônia, os jogadores decidiram enojar o baba, desmerecendo a competição que ora se iniciava. É fato que o próprio compeonato já começou todo torto. Porém, jogo a jogo, eles conseguiram ser piores do que os organizadores. Não houve sequer uma apresentação digna de registro. 

Por tudo isso, encerro esta trasmissão por aqui – até porque este texto já está muito longo para o pequeno futebol apresentado. Apenas vou repetir o mantra entoado desde a noite de sábado pela população do Norte e Nordeste de amaralina.

CHEGA DE BORÉSTIA. É HORA DE VOLTAR À LABUTA.

Anúncios

7 Respostas to “É HORA DE VOLTAR À LABUTA”

  1. borba Says:

    Pra não dizer que não falei das flores, houve o 5×1 contra o Itinga.

    • Franciel Says:

      mas jogo contra aquelas mulheres-damas não conta, Borba.

      • Lascador Says:

        Não conta por quê? Num campeonato de sacana, bater em puta conta sim.

      • sanches Says:

        Realmente Franciel, teve o Jogo contra os icolores que sapecamos um sonoro 5×1. Mesmo que seja apenas obrigação em bater na nossa puta, devemos louvar a atitude do time. Porém devemos lembrar que não devemos bater demais em nossa nigrinha, haja visto os maleficios gerados pela pratica de violência contra as mulheres, vide o exemplo do Bruno, ex-goleiro do Flagangue. Sem contar que da ultima vez que um atleta nosso surrou a nossa nigrinha, o mesmo teve de passar uma temporada atras das grades. No mais, como eu bem já disse, devemos apoiar incondicionalmente esse time que ora se apresenta para as disputas das finais da Copa do Brasil, não é o momento de criticar e sim de elevar a moral dos nossos atletas, pois vai ser com esse time que vamos ao céu ou ao inferno. Vumbora Vitória!!!

  2. carlos da caixa Says:

    Tá danado, seu franciel! Num momento de vital importância para a vida do clube os guerreiros perdem o gás? Sei não. Parece que só nos resta torcer prá que o peixe desaprenda o bonito futebol que tem mostrado
    Brasil a fora. Pela lei das probabiliades tudo pode acontecer, embora seja pouco provável. Mas, como temos o senhor do bomfim…

  3. Cury Says:

    Senhores, relaxem, é sabido por metade da humanidade que o Vitória, quando o jogo é sem importancia (e sem TV), tira o pé.
    A garra e a guerra hão de continuar.

  4. Ed Mão Says:

    Voltando a labuta, hoje é dia de baba com churrasco (se São Pedro permitir).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: