Contra mitos não há argumentos (mas existem números)

 

A Bahia é uma terra pródiga em culhudas. Aqui, mais importante do que a verdade, são as versões – principalmente aquelas repetidas à exaustão e em volume estridente. Historicamente, a melhor forma de se impor nesta província é fazendo barulho, o velho e tradicional ‘ganhar no grito”.

Não foi à toa que ACM, que conhecia a alma de grande parcela dos baianos, usou exatamente destes artifícios (gritos e culhudas) para se perpetuar no poder. Ele dizia, em voz alta, que era o bacana o porreta, o retado – e os desavisados comiam o reggae.

É óbvio que o Cabeça contava com o auxílio luxuoso da mídia, dos tribunais, das prefeituras, do porrete da puliça e do caralho aquático. Porém, suas marcas principais eram os gritos e a velha e boa culhuda. Assim, sem nunca ter disputado uma eleição majoritária até o início da década de 90, ele se auto-proclamava o cara popular da Bahia, coisa que, efetivamente, nunca foi. Prova disso é que, mesmo com a ajuda de todo este aparato nunca conseguiu nem chegar perto de metade dos votos totais dos baianos. E a prova definitiva que havia mais medo do que respeito em relação à sua figura ocorreu no seu triste enterro, que muito diziam que ia ser O Grande Funeral. Foi um fiasco, conforme presenciei in loco e narrei AQUI, Ó .

Mas, derivo. E, neste momento, nem é bom derivar. O melhor é deixar o Cabeça quieto. Vai que ele se reta e volta. Deuzulivre. Já basta o atual governo, que fica aí querendo ressuscitar as nefastas práticas carlistas.

Portanto, vamos falar de jangada, que é pau que bóia.

Seguinte é este. A verdade que salva e liberta é uma só: Faz coisa de uns três séculos que os itinguenses não ganham porra de nada nas quatro linhas. E, como não vislumbram meios de superar esta, digamos, abstinência titulirística no próximo milênio, as injúrias ficam se apegando a qualquer coisa. Uma hora inventam que são campeões morais do 1º turno; depois reproduzem PESQUISAS FAJUTAS, entre outras aleivosias.

Em verdade lhes digo: É estripulia pra mais de metro. E sempre com o aval da escrota imprensa baiana (desculpe-me a redundância), que reverbera tudo com um barulho dos seiscentos, atendendo àquela equação que falei no início: culhuda e gritaria.

Até aí, tudo bem.

O problema é que tão ensurdecedor barulho parece que tem afetado até o raciocínio de pessoas sensatas, a exemplo do bom zagueiro Wallace.

Do nada, sem ter, nem pra quê, talvez por conta desta chibança dos radialistas, ele concedeu uma desastrada entrevista afirmando que a torcida do Vitória não tem comparecido ao Barradão. E pior. Heresia das heresias, ainda parabenizou os torcedores daquele clube que habita os porões do futebol brasileiro.

PUTAQUEPARIU  INJUSTIÇA!!!

A verdade é que, além de ter sido deselegante com a massa Rubro-Negra, o zagueiro falou, ou melhor, repetiu bobagem e corroborou para perpetuar uma inverdade, um mito.

Porém, se contra mitos não há argumentos, há números. E os borderôs estão aí para desmistificar a falácia.

No último campeonato baiano, por exemplo, a média de público do Vitória foi superior à do ex-rival, conforme atesta a própria FBF. Tá lá no placar e ninguém pode mais tirar. O Leão teve uma média de 9.585 pessoas por partida, exatamente 177 a mais do que o representante baiano no torneio de acesso, que levou (lá ele) 9.408 por jogo.

Então, Wallace, que conversa fiada é esta de que a “a torcida não tem comparecido”?

Só pra seu governo, na Copa do Brasil mais de 80 mil Rubro-Negros já ocuparam as arquibancadas do Barradão para incentivar o time e também lhe apoiar, numa média superior a 16 mil por partida. E em troco, vem você, logo você, um atleta criado no clube e admirado pela torcida, elogiar os adversários?

Repetindo em caixa alta: QUE PORRA É ESTA?

Ah, sim, mas tem o brasileirão, né? Ok. É fato que ex-quadrão tem levado (lá ele) um público maior do que o Vitória neste início de campeonato. Porém, será que você se esqueceu que na primeira partida contra o Flamengo o ingresso no Santuário era o dobro do preço de pituacivisky e ainda caiu um dilúvio de assustar até Noé? Além disso, lembre-se que a partida seguinte, contra o Atlético mineiro, ocorreu num horário impiedoso, às 19h30, e imediatamente após o Leão ter feito uma das apresentações mais covardes dos últimos tempos.

Então, meu velho, na moral, ouça um bom conselho: Pare de se orientar por radialistas escrotos, ouça mais a voz das arquibancadas do Barradão e se concentre na disgrama de minha zaga, que é onde você tem atuado melhor.

 De nada.

Anúncios

43 Respostas to “Contra mitos não há argumentos (mas existem números)”

  1. moises Says:

    …a propósito, v.sa. tem andado sumido pelas bandas da ingresia. ?que pasa?

    • Franciel Says:

      É que estou totalmente concentrado aqui para orientar o Rubro-Negro rumo ao inédito título nacional. Logo em seguida, retornarei áquela impoluta emissora.

  2. JOEL NETO Says:

    AMIGO FRANCIEL.

    CONCORDO COM VC , POREM SABEMOS QUE NOSSA TORCIDA NÃO PRESTIGIA O NOSSO TIME , E LHE DIGO AMIGO,,, É A UNICA COISA QUE INVEJO DO ITINGA É A SUA TORCIDA , APAIXONADA DEIXAR DE COMER DE LEVAR A MULHER PARA PASSEIAR MAS COMPARECE AO ESTADIO A QUALQUER PREÇO …….. NO PONTO FOI BOM WALLACE TER DITO ISSO PARA DAR UMA SACUDIDA NA NOSSA TORCIDA.
    DESDE JÁ FIQUE SABENDO QUE VC É MEU CANDITATO A PRESIDENTE.

    SAUDAÇÕES RUBRONEGRAS

    • Rogério Silveira Says:

      Neto, faz um favor , então. Junte-se… ou melhor, chama a massa ignara para sua casa e namore com eles.

    • Daniel Mendes Says:

      Neto então leve Wallace e toda a torcida do Bahia pra sua casa e faça bom proveito. A diferença entre a torcida do finado e a do Vitória, é que uma é idiota e outra não tem senso crítico.

    • Maria das Graças Says:

      Joel,
      Enquanto vc tem inveja da torcida dos já-morreram-e-não-enterraram eu tenho orgulho da minha torcida rubro-negra. Ir pra Pituaçu é fácil. Está npo mei da paralela, na Esquina com a Pinto de Aguiar. Sair de lá pra voltar pra casa é mais fácil ainda. Já a nossa torcida sofre que só suvaco de aleijado. Tem que pegar, no mínimo, duas conduções pra chegar ao estádio e pelo menos outras três – se não quiser andar uma légua e meia (12KM) – pra voltar pra casa. Se for de carro pega os engarrafamentos da FIB, da Jorge Amado, ou da Avenida São rafael. pára o carro a meia légua do estádio e vai andando. Só quem tem muito amor é capaz de tanto sacrifício e isso me orgulha.
      Outra coisa que muito me orgulha em minha torcida é ela não ter aquele espírito presepeiro que caracteriza a torcida dos finados-fedorentos. Já pensou se toda vez que ganhessemos de times da categoria de um Vila Nova, de um Ipatinga, a nossa torcida saisse ás ruas fazendo zoada, buzinando, gritando “aí, aí meu deus, minha nossassinhora”, fazendo arruaça, botando pra funcionar os motorrádios na maior das alturas? seria p fim. Graças a Deus – e isso me enxe de orgulho – esse negócio de prezepada é com a torcida dos vicitingas.
      Por isso, meu caro Joel, tenha mais orgulho dos seus e mais desprezo por lá-elas. Afinal, vc já viu vivo invejar morto?

      • Emmanuel Teixeira Says:

        Quanta ira!
        Você tem algum trauma de infância?
        Sds,
        Emmanuel

      • Marcos Freitas Says:

        Parabens Maria das Graças, muito boa a sua resposta para o Neto, foi perfeita!
        Disse em detalhes o que nós torcedores assiduos enfrentamos todas as vezes que vamos ao Barradão.
        Cada vez mais estou convencido que as mulheres são torcedores mais conscientes e apaixonados! Veja o exemplo de Larissa Dantas!
        Aproveito para lembrar a todos da imprensa que eles devem somar a renda de cada jogo o valor pago antecipadamente pelos 9000 associados do SMV.
        A torcida do Vitória é muito mais inteligente que a do Jahia, pois pagamos antecipados o ano inteiro, e não apenas quando time vai bem.
        Portanto senhores cronistas idiotas, quando dá 10000 pagantes lembrem que na verdade são 19000!!!

  3. maoguima Says:

    Imagine um soldado elogiar o exército inimigo em plena guerra? Wallace foi corajoso, mas insensato. De qualquer maneira não podemos dizer que estava totalmente errado, visto que o público no brasileiro do Vitória precisa melhorar. Lá nele tomar reprimenda de Seu Francis!

  4. Gerson Caldeira Says:

    Radialistas escrotos: redundância!

  5. canijah de moreré Says:

    Neto, o amor é cego e a paixão é burra. Vou repetir uma sugesta de um torcedor para outro durante uma partida entre o Vitória em um jogo decisivo e outro classificatório: se é pra vir ao estádio e ficar choramingando é melhor voltar pra casa. O que quero dizer que estes números apresentados por Sônia Braga de Irecê são prova do perfil de torcedor que frequenta o estádio: fiéis à missa de corpo presente.

  6. carlos da caixa Says:

    Companheiros, o grande locutor já provou, com números, que o jaia no varelão o buraco é mais embaixo. Rogério, se acalme. O Joel Neto é dos nossos. Esse é um momento impar na história do nosso Leão, portanto, temos é que unir forças para a grande conquista. Acho que essa pausa da copa vai ser muito importante para o Vitória que tá cansado da jornada que enfrentou nos últimos tempos, o que não ocorreu com o Santos que tem um plantel bem maior. Então, esta é a hora de aglutinar-mos para os dois jogos mais importantes da nossa história. Vamos que vamos, LEÃO!!!!

  7. Maurição do Vit Says:

    Wallace não quer mais jogar no Vitória, ta na hora dele sair, jogadorzinho fraco

  8. robsão Says:

    Corretíssimo!

  9. Anrafel Says:

    O sujeito pode até deixar de comer ou de levar a mulher para passear. Não pode é deixar de comer a mulher, com passeio ou não.

    Mas falem para Wallace que esse negócio de ficar do gramado olhando pra arquibancada e contando os presentes é meio perigoso. Amanhã ele vai encontrar pelos peitos Fred e Conca, que fizeram o diabo no último jogo ano passado.

  10. roberto rubro negro Says:

    Meus amigos rubro negros, sobre a famigerada VIA EXPRESSA (Barradao-Paralela que teima em nao sair do papel):
    em 1o lugar, antes que venha me crucificar, eu NAO estou PEDINDO e NEM PRECISO PEDIR voto pra nenhum politico. Tampouco estou INSINUANDO que os outros rubro negros votem nos concorrentes do atual governador. Apenas quero manifestar todo o meu descontentamenteo com a atuacao politica do atual governador, que não tem sido IMPARCIAL e JUSTO com as outras agremiacoes do Estado da Bahia.

    A pergunta há de permanecer: como é possível um Governo reconstruir praticamente do ZERO uma arena (que inclusive conta com padroes FIFA já que sediou jogo da selecao brasileira) em MENOS de um ano e não ser capaz de alfaltar uma VIA DE 4 KM em MAIS de 1 ano? (sim, porque a Prefeitura e o Governo do Estado da Bahia autorizou a mesma em maio de 2009, cfe noticias dos sites)

    Ora ora quanta ingenuidade! Será que esse atraso decorre da coincidencia do Exmo Governador do Estado da Bahia ser torcedor dum clube que nunca teve estadio proprio? Ou seria por pura falta de competencia e boa vontade? O Governado é baiano E tricolor ou seria o inverso? Ele é tricolor E baiano? Essa é terra de todos nós mesmo (leia-se todos os clubes da Bahia?)

    Meus amigos rubro negros: o fato é que, seja qual for o motivo desse atraso INJUSTIFICAVEL, lhes digo que esse mesmo candidato não terá meu voto em outubro! Posso até vir a anula-lo por falta de opcoes… Afinal, o voto assim com a liberdade de expressao SAO MEUS e SEUS TAMBEM e NOS decidimos o que fazer com eles de acordo com nossa propria consciencia. BASTA DE INCOMPETENCIA!

    Espero que chegue esta discussao ao Governador, quem sabe assim ele resolve fazer o trabalho dele? Abra o olho WAGNER, pois nós não somos BOBOS!

    Só lembrando que é uma obra publica que vai SIM ajudar o nosso querido Vitoria a ter mais torcedores apoiando o time, aumentando o conforto pra ir aos jogos, mas tambem tem um inegavel carater social que vai beneficiar toda a populacao que vive no entordo da via expressa.

    Um abraço a todos os amigos e desculpem por ocupar o espaço do blog para esse desabafo.

    Vamo vamo negooooooooooooooo

  11. Rabbit_Gonzalez Says:

    Estádio lotado de orificio rugoso é orgão reprodutor masculino;
    Vossa senhoria não dê seu sangue não fique aí, esperando 30 mil a cada joguete.

    Vá e procure Vitorianos contra o Fluminense no maracanã e recebe a galinha pulando em campo maganal.

    SRN

  12. Fredson Says:

    Dessa média de publico do time de cnanbrava tá os 70% de tricolores no BAxVice de mando de campo rubroi negro né? Aliás, as médias de publico de vocês são sempre menores já que conta com a torcida adversária, vide quando joga contra Flamerda, São Paulo, Curíntia, etc…Nesses jogos, até o ingresso aumenta e o espaço fica reservado pra torcida adversária…

    OBS: A toricda do vitoria parece mulher de malandro, apanha de todo mundo (presidente, jogador, imprensa, Milton Neves…)

  13. Maurição do Vit Says:

    A declaração de wallace, se fosse em outro clube já teria sido exonerado, mereceu uma surra de cipó cabóclo, se a torcida tiver um pouco de respeito e dignidade não deixará isso passar em branco, vaia e hostilidade nele.

  14. André Santos Says:

    Rapaz !
    Este rapaz precisa se retratar. Se não vai virar um APODI da vida.
    O antes tão admirado e idolatrado jogador, agora defende as cores horríveis do time perdedor.
    Wallace, pelo amor de Deus, desfaça o equivoco. Peça perdão a torcida.

  15. Paulo Afonso Says:

    Seru França, pela primeira vez vou discordar de V.S.a… Vamos lá! Menino Wallace tem sua parcela de razão, pois nosso time conquistou até o momento todos os objetivos possíveis para o primeiro semestre, portanto a GRANDE parcela da torcida tem obrigação de ir ao estádio sim. Esses 8.000 9.000 torcedores que vc se refereiu são so mesmos 8.000 9.000 que vão sempre, somos as mesmas caras, faça chuva, sol, o time vá mal… Precisamos de CASA CHEIA sempre, é disso que Wallace está falando, tem que exaurir o limite de lotação do estádio, os caras estão provando dentro de campo que merecem. Fico retado quando me sacaneam com o papo furado de que o Barradão é o MAIOR ESTÁDIO DO MUNDO PORQUE NUNCA ENCHE. Fora os clássicos nacionais a torcida tem obrigação de ir sempre, isso é paixão, isso é demonstrar que acredita no time e nos jogadores. E outra, falar de Wallace é uma injustiça, me faça uma garapa de limão balão. Já comprei minha passagem para SAMPA, vamos invadir e detonar os meninos da Vila… Abçs

    • Franciel Says:

      Paulo,
      pode discordar à vontade. Não escrevo para unanimidade. Já dissse e repito. É do atrito que se faz luz.

      A questão central é que Wallace criticou a torcida comparando-a com os adeptos daquele time que habita e subsolo do futebol brasileiro.
      Então, mostro com número que a comparação dele não tem qualquer base, a não ser eco das presepadas dos radialistas.

      Os borderôs da FBF mostram o contrário. Meu texto tem o objetivo exatamente de desmistificar este engodo. E olhe que nem falei sobre o transporte deficitário, dificuldade de estacionar e de sair do Barradão, problemas menores em relação a pituacivisky.

      A propósito, na próxima sexta-feira, Wallace poderá ver o refluxo das carniças depois da madeirada de ontem.

      SRN E nos veremos em Santos.

      • Fredson Says:

        Os numeros não tem qualquer base??? Mesmo o Bahia “habitando os prorões do futebol brasileiro” você só colocaram 177 pessoas a mais na média, sendo que no 1º BAxVI de mando de campo de vocês em Pituaço, 70% era tricolor!!!! Paulo Afonso tem razão, é so essa muquequinha de 9000 pessoas do “Sofro Muito Vitória” e pronto!

    • Franciel Cruz Says:

      Ô, rapaz,
      Em relação a estatísticas e números, fique na sua que ninguém lhe bole – até porque você só sabe contar até quatro.

  16. cury Says:

    Porra, Franciex, além de blog do Vitória temos outra coisa em comum: também fui pro enterro de acêmê e também fiz um texto sobre o que presenciei. Pena meu blog não ta mais no ar, mas tenho o texto e em breve te mandarei. Além de escrever, também filmei as coisas surreais e engraçadas que aconteciam ao redor.
    Dizem que o homem era Vitória, né?

    • Franciel Says:

      mande, sim. Quer ver, digo, ler.

      Quanto à preferência clubística, ele dizia que era Vitória, mas nunca vi ele nem no Barradão nem na Fonte Nova. O que sei é que o referido, na verdade, tinha ascendência sobre a cartolagem dos dois times. E usavam os mesmos para fins nada dignos.

  17. Neto Says:

    Na verdade, Wallace estava certo até a página cinco.

    Assisti Vitória e Atlético aqui em BH, na companhia de atleticanos, que ficaram tirando onda por causa da pouca presença de público, considerando que o time é finalista da CB. Retruquei na hora que minha torcida não vai a qualquer jogo, ver o Vitória jogar contra time pequeno.

    Lógico que foi apenas uma brincadeira, pois além de o Atlético ser time grande, a torcida do Vitória deveria comparecer mais, mesmo que o adversário fosse o Grêmio do Interior-SP.

    Wallace está certo em cobrar mais presença.

    Mas está errado em fazer comparações com times de segunda, terceira ou quarta divisão. Teria sido mais feliz se buscasse nos comparar com a torcida do Inter, do Corinthians, do Santos ou do Flamengo.

    Arroz tem que ser comparado com arroz e feijão tem que ser comparado com feijão. A atitude de Wallace revela um problema frequente em nossa diretoria, torcida e imprensa: a utilização de agremiações de futebol semiamador como parâmetro de comparação.

  18. pedro caribé Says:

    rpz, wallace é o jogador que me fez passar mais raiva nos últimos três séculos. passou roger, luciano almeida e o goleiro juninho.

    falou besteira sem tamanho. além dos números de françouel, na lata, os finados tem uma torcida maior em salvador. ou seja, proporcionalmente nosso comparecimento já é superior há algum tempo.

    somado ao fato da localização e preços dos ingressos. pituaçu já deu uma quebra bruttal na festinha de itinga. a fonte de índio é o estádio mais bem localizado do país. já o nosso santuário, é mais complicado ( e gratificante) que as andanças de paulo coelho em santiago de compostela.

    na parte qualitativa, há anos a torcida do vitória empurra como poucas no país. prefiro 15 mil guerreiros no barradão do que 30 em pituaçu. ele devia estar exaltando isso.

    enfim, wallace é um imbecil.

  19. Manoel Novaes Says:

    Não vou entrar na polêmica, prefiro a carta que Wallace fez antes da semi-final no Barradão e publicada no Correio da Bahia, trecho da carta abaixo:

    Não tenho dúvida alguma que chegaremos às finais e, por isso, precisamos de geral apoio no Barradão, quarta, fazendo aquele caldeirão lindo. Vamos ficar na história. Tenho todas as convicções e, quem não estiver presente, perdeu a grande oportunidade da vida. Amo esse clube”.

  20. CLAUDIO REIS Says:

    Amigo Franciel, perfeito seu argumento. A Bahia é a terra dos mitos. Desde a infância alguns nos perseguem: Bahia não perde final; A torcida do Bahia paga qualquer jogador;O Bahia é de chegada….e tantos outros criados pela fanática mídia que tenta aumentar seu oba oba. Wallace deveria usar sua imagem de profissional sério para questionar por que diabo a Avenida de acesso ao barradão nunca fecha num só sentido? Quem é o artista que libera recolhimento de lixo a 1 hora de um jogo nessa avenida? Por que todas as linhas de ônibus continuam cruzando a tal avenida antes, durante e depois de qualquer jogo? Por que a SET só vai ao barradão com o intuito de multar torcedores apressados? Se ele quisesse criar polêmica, tais assuntos dariam mais respaldo a sua relação com a torcida. O tempo que perdeu falando bobagem, poderia ser usado pra evoluir como o zagueiro principal de um time de serie A. Tomar um gol de cabeça daquele de Tardeli num lance repetido e ensaiado?? Caro Wallace, trate de fazer melhor o seu e deixe o resto conosco. E lembre-se : Torcida do bahia gosta de mole. Quem gosta de torcer mesmo com dificuldade é a torcida do leão!!!

  21. canijah de moreré Says:

    Excelente Pedro!
    ACM era culhudeiro, mas não era burro como Jaques Wagner. Well, well, perdeu voto pra Gedel.

  22. canijah de moreré Says:

    Viu lá o Wallace? Duas sobras de Vinícius e ele ficou olhando com aquela boca mole.

  23. canijah de moreré Says:

    Acho que Wallace ficou encantado com a torcida do flu.

  24. Anrafel Says:

    Vou chamar a atenção sobre outro ponto: o Vitória teve três jogadas nas (e com os) laterais, duas com Nino Paraíba e uma com Egídio. Provavelmente, mataria o jogo se as convertesse. Não converteu.

    O Fluminense matou o jogo com duas jogadas nas (e com os) laterais.

  25. Logan Says:

    Franciel, do maior mito você não falou: O de que Wallace e Reniê tem condições de serem titulares no Vitória. Ontem, assim como em várias outras partidas dessa temporada, eles falharam em lances-chave da partida, nosso time não pode ter uma dupla de zaga titular desse nível, até são bons zagueiros sim, mas tendem a cometer falhas em lances de perigo, o Vitória precisa de uma zaga de melhor qualidade.

  26. Ed Mão Says:

    Irecê, sua lingua é afiada…kkkk

  27. Emmanuel Teixeira Says:

    Sr.Franciel.

    Pelo visto o sr. sofre da síndrome da DC.
    Não esperamos outro tratamento de torcedor de time pequeno.
    Parabéns pelo próximo feito que está por vir…
    Saudações,
    Emmanuel

  28. antonio carlos cabral antunes Says:

    se eu fosse torcedor do itinga emanuel depois de perder pra icasa duque de caxias teria vergonha em falar em DC por parte de SR.Frabciel

  29. antonio carlos cabral antunes Says:

    sr emanuel quem vive de recordação é museu

    saudações rubro negras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: