Valei-me São George Romero Cap. 2

Injuriado, retorno a esta tribuna sacando do coldre um spoiler, aquele artificio muito usado por xibungos e cinéfilos (desculpe-me a redundância) para antecipar o desfecho da trama. Portanto, aviso logo à praça: Se seu negócio é ludopédio, favor voltar outro dia. O longo texto que segue abaixo não tratará de futebol.

O seguinte é este. Ou melhor, foi este.

O ponteiro do relógio marcava exatamente 17h49 quando a porra do telefone do trabalho toca insistentemente. Absorto, ignoro. Porém, a estagiária, burra, gostosa e gentil, me chama.

  • Ligação para o senhor

  • Diga que não estou, minha filha.

E não estava mesmo. Minha cabeça, tronco e membros continuavam voltados para a peleja entre Vitória x Avaí, que começaria às 21h no tenebroso e friorento Estádio Ressacada.

Poucos instantes, a disgramada retorna.

  • Eu falei que o senhor mandou avisar que não estava (viva a inteligência!), mas a moça informou que era coisa urgente.

Diante disso, aquiesço. E ouço do outro lado da linha a voz aflita de DONA SÔNIA, a moça que trabalha lá em casa.

  • Sêo Françuel, o menino tá com 39,7 de febre. Tem que levar para o hospital agora.

Havia tanto terror na sua frase, que parecia que era a referida que estava prestes a bater as botas. Por isso, ato contínuo, abandono a labuta na gloriosa, egrégia e augusta Assembleia Legislativa e desço a ribanceira já pensando em uma fórmula para adiantar o serviço. Mesmo sabendo que podia dar AZAR, avento até a hipótese de pegar carona com a MINHA VIZINHA.

Antes das 19h, chego na emergência lotada do Hospital da Bahia e escuto uma estranha sinfonia de tosses e espirros.

Putaquepariu o porco espinho!

E o ponteiro do relógio dispara. 19h30, 20h, 20h30 – e nada. Exatamente às 20h48 o médico, numa leseira do cão, começa a atender meu rebento. Porém, em vez de cuidar logo da gripe, ele começa a querer saber a história toda do guri. Depois de muita prosopopéia inútil, receita nebulização e hemograma.

Pego o sacaninha pelo braço e arrasto-o pelo corredor daquele asséptico nosocômio. São exatamente 21h02 e nenhuma bandeira do Vitória naquele recinto. É muito descaso. Por isso que a saúde do Brasil tá do jeito que tá.

Mas, derivo.

Em seguida, uma enfermeira de peitos pequenos (não se fazem mais enfermeiras como antigamente) pede para eu ficar tranquilo. “Tenha calma. Vai ficar tudo bem. Não é nada grave”. Como assim não é nada grave? Já são 21h10 e não tenho nenhuma notícia sobre o jogo lá em Santa Catarina.

Pois muito bem.

Dizem que quando o satanás não aparece manda seu secretário. Olho para o lado e vejo um perneta filho da puta (por que todos os pernetas são filhos da puta?) com um fone no ouvido, bem feliz. Faço um sinal e peço, humildemente, para ele sintonizar numa rádia que esteja transmitindo a partida. “Já estou ouvindo o jogo. Tá 1 x 0 para o Avaí”, diz o sacripanta, sem disfarçar a alegria.

Então, decido acompanhar a peleja pelo semblante do desinfeliz. Poucos minutos depois e ele faz uma cara de quem está atrasado para ir no sanitário.

  • O que foi? , pergunto aflito.

  • O Vitória meteu uma bola na trave.

Mais um tempinho e ele abre um sorriso escroto. Avaí 2 x 0. Desisto de ficar olhando para a cara do perneta filho da puta, mas não abdico de tentar ver o resto do jogo. Procuro novamente a enfermeira de peitos pequenos. Ela me diz que o resultado do hemograma não vai demorar. “Em menos de duas horas está pronto”.

Duas horas? Caralho!

Então, apelo. “Meu filho, vou aqui fora tomar um ar. E volto já” Como ele já me conhece há 18 anos, largou. “Vai procurar um bar pra ver o Vitória, né, pai?”. Não tenho como negar. “Mas, é rápido, filho. Em meia hora estou de volta. Só vou ver a segunda etapa”. E ele. “Mudaram a regra do jogo, foi? Cada tempo agora tem apenas 30 minutos?”.

O sacana com gripe e febre e ainda fica fazendo piada…

Pergunto ao porteiro do Hospital onde posso ver o jogo ali perto.

  • Vá no Botequim. É só dobrar a segunda a esquerda e, depois do quebra-mola, pegar a direita.

Chego na disgrama do recinto e vejo apenas rostos lânguidos. O telão tá passando um show de Djavan. Bem feito. Quem manda ir num lugar que se chama botequim, com ó.

Brasileiro, não desisto nunca. E mais rápido do que um Ben Johnson dopado, corro para a Rua do Canal. Antes de chegar na esquina, ouço o barulho de fogo e penso. “Agora, vai. Gol do Vitória”. Olho para o lado e lá está um corpo estendido no chão. Um cidadão tentou reagir a um assalto e foi alvejado na mão e na clavícula.

Fujo dos ladrões e finalmente chego numa budega para ver o time. Antes que pudesse passar as primeiras orientações, Victor Ramos toma um nó de menino de playground e ainda faz penalti bisonho. 3 x 0. Pra acabar de fuder a porra toda, o juiz, em vez de acabar logo o jogo, deixa a partida ir até os 45 minutos. O Avaí mete mais um.

Volto para o Hospital depois da meia-noite e ainda não tem o resultado do hemograma. Toda a equipe médica está mobilizada atendendo o rapaz (ele também era rubro-negro) que levou os tiros.

Olho para a folhinha que marca 31 de julho. Poizé. Agosto ainda nem começou.

Valei-me São George Romero!

Anúncios

21 Respostas to “Valei-me São George Romero Cap. 2”

  1. canijah de moreré Says:

    Puta q pariu!!! Essas histórias deram uma ressacada… Isto lá é nome pra um local pra time visitante jogar futebol?!!! É assim que estamos, ressacados!!!

  2. Rodrigo Says:

    Franciel,

    Não há de ser nada. Um time que quer (e vai) ser campeão brasileiro em 2009 precisa, ao menos uma vez no certame, “ser ofendido pelas pequenezas do Brasil”. É isso!

    Domingo sou TRITÓRIA e dou DOIS GOLS!

    Abraço,

    Rodrigo.

  3. Logan Says:

    O Pior é que não dá nem pra colocar a culpa em Roger, e agora, desconto a raiva em quem?

    • moises Says:

      como não dá Logan? vc viu os gols que o cara perdeu (só para variar)? tá, digamos que não desse para virar ou empatar, mas nem um golzinho de honra, que porra é essa? além dos dois expulsos, o ataque do vitória está acéfalo!!

  4. Daniel... Says:

    Pois é seu França, vejo que seu dia foi melhor do que o meu que assisti o jogo todo!

  5. Fredson Says:

    “Eles estão honrando o Vi(ce)tória”
    Domingo que vem tem mais!!!!

  6. Marcos A. Guimarães Says:

    É isso aí Franciel. Mas, eu suspeito de algumas coisas porque nenhum time piora desse jeito como se água pudesse virar vinho. Agora, vou te dizer uma coisa. Porque o porra do nosso técnico PCC fica ainda insistindo com aquele sacana do Adriano? Não consigo entender porque. Outra. Se nosso grande Bida mudou e melhorou o time no segundo tempo contra o Coritiba, porque o cara não foi lançado como titular nesse jogo? Será que aconteceu algum entrevero dos jogadores com o técnico? Não temos como saber. O time jogou muito mal e algo aconteceu para ficar assim. Mas, domingo estaremos lá e veremos se foi obra do acaso, ou se algo realmente aconteceu e espero que PCC deixe de ser BURRO e coloque Bida ao lado de L.Dominguez e pare de ficar insistindo com o que não presta. Por mim Adriano já tinha caído fora do Vitória.

    Abraços,
    Marcos.

  7. Cléber Says:

    Boa tarde Franciel, eu sei que o assunto não é esse, mas quando quiser ler algumas pretenciosas palavras apareça por aqui http://insubordinacaopoetica.zip.net, sei que você tem um excelente senso crítico e gosta de literatura. Mas lembre-se: sou apenas um devaneador! Abraços.

  8. Kant Says:

    Já abdiquei de estar com meus filhos para ver jogo do Vitória, Franciel.
    Não faço isso mais nunca! Ou estão juntos comigo vendo a partida ou me livro de ver um vexame como aquele de ontem.

    ABrçs!

  9. Anrafel Says:

    Foi um desastre anunciado. O espírito da Granfina das Narinas de Cadáver se apossou de meio time. Consta que alguns, Vítor Ramos, Adriano entre eles, entraram em campo perguntando “quem é a bola, quem é a bola?”. Pois é, e a danada não foi apresentada a eles durante todo o jogo.

  10. Ideval Bitencourt Says:

    A história não teve um final feliz, só faltou você morrer

  11. Quiva Says:

    Texto da porra, Franciel.
    Futebol agora só no domingo.
    E, graças ao bom Deus, sem um renca de pés-de-gelo, abatidos pela friorenta Florianópolis.

  12. Logan Says:

    Justo um dia antes de me matricular na ufba vem um desastre desse, mas é só uma derrota e o campeonato é longo e próspero para o Rubro Negro, vejo alguns incolores aqui tentando tirar sarro da gente, mas entendam uma coisa, nós nunca iremos precisar torcer contra o time deles para ter prazer, eles são medíocres o suficiente para fracassar sem a necessidade de torcida contra, pobres coitados.
    E moises, Roger é Roger, não dá pra esperar dele mais do que o que ele apresentou ontem, se quiser culpe PCC por (ainda) começar com ele no time.
    O time inteiro jogou mal, começando pelo técnico, por isso não dá pra fazer o Roger de bode expiatório.

  13. Anderson Abreu Says:

    Sim. Mas o quê o menino teve, Sêo Francuel?
    Espero que o menino melhore logo e o nosso time também. Ontem foi difícil dormir, fiquei retado até que umas 3 da madrugada o cansaço me venceu. Como um time joga tão mal daquele jeito? É aguardar pra domingo ver o que o homem do Ray Ban fará com o time, ontem ele deu mole.

    Melhoras pro Guri!

    Abraço

  14. Lucas Serra Says:

    Me perdoe Seu Franssuel (com dois “s”), apesar da história não ter nenhum final feliz, dei muitas risadas.

    Vamos esquecer essa partida, aprender com os erros e jogar o que não jogou contra o SP.

    SRN

  15. paulo galo Says:

    Recebi o “aquiesço” pelos peitos, ainda que sem a devida recomendação. Obrigado.
    Quanto ao Vitória, melhor a galera entender que levar uma enfiada vez em quando faz parte da história. Sem frescuras, portanto, galera. Nem doeu tanto assim, tava frio pra cacete, dois meninos -lembrem-se, são meninos- expulsos, Apodi pro estaleiro.
    O que não pode é deixar de chegar junto do time neste domingo. A hora é delicada e estamos a 4 pontos do segundo colocado.
    Vamos pra cima da bicharada e dar a eles o que eles mais gostam: pau.
    Levanta nação rubro-negra!

  16. Lucas Rochas §iquilho Says:

    Porra, a parte do tiro, apesar de trágica, foi engraçada “pracaraio”!!!!

    Realmente a última partida deve ser apagada, esquecida.

    Ontem tivemos uma partida atípica, que deve ser apagada e utilizada como motivação para o crescimento e amadurecimento do grupo.Não vamos estragar todo o trabalho feito nos últimos meses por causa de apenas uma partida.Nesta competição, apenas contra o Cruzeiro realmente haviamos jogado muito mal e perdido, e numa competição longa como esta, demoramos 14 rodadas para perder pela primeira vez por mais de dois gols de diferença, algo que deve ser pensado em um momento como estes!Quantos times, alem do vitória, também estavam, ou estão nestas condições?Não podemos esmorecer, muito menos confundir as coisas.

    Inclusive o Falmengo já levou5, o corinthians 4, o santos 6, o grêmio, são paulo e Inter 4…e nem por isto deixaram de pensar mais à frente.

    Vamos ser coerentes.

    Uma placar dilatado não pode desfazer meses de trabalho.

    avante leãoooo!

    SRN

  17. Renato K. Says:

    França, meu querido, deu zebra ontem … Meu Tricolor venceu a partida mais improvável do Corruptão 2009. Agora ninguém nos segura mais: tenho certeza absoluta, e aposto duas caixas de cerveja belga, que não seremos rebaixados este ano.
    Tenho dito!
    Em tempo: tá bem o menino?

  18. cazzo fontoura Says:

    ACESSE: http://www.cazzofutblog.blogspot.com – CRÔNICAS DE FUTEBOL.

    A única feiura que não me comove.

    Carpegiani é técnico, não é mágico!

    Procura-se Centro de Recuperação para a raposa frustrada.

    Veja, outubro de 1962: Nelson Mandela.

    MEMORIAL: SÃO PAULO 4 X 0 NEWELLS OLD BOYS (1993)

    ENTRE E FIQUE À VONTADE.

    GRANDE ABRAÇO.

    CAZZO FONTOURA.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: