Um desafio

Não que eu queira me gabar, pois não é do meu feitio, mas a verdade que salva e liberta é uma só. Aliás, são duas. Recebam. Além de praticar e e ensinar o ludopédio em 18 idiomas, este modesto locutor conhece profundamente a alma da torcida do Vitória.

E é com base neste  meu vasto conhecimento científico, que vos garanto: o público do jogo de daqui a pouco no Santuário do Barradão será mais do que o dobro da último jogo contra o Colo-Colo.

Se algum Diretor do Vitória achar que não, é só correr pra dentro. Ainda dá tempo de brincar em qualquer cinquentinha.

Aos que acham que esta prosa/desafio é extemporâneo, explico.

Nesta semana ganhei um papel de 100 real de um diretor do Vitória que teve a ousadia de duvidar de minhas teorias, conforme os adeptos de São Tomé podem conferir neste linque AQUI, Ó 

De nada.

Anúncios

3 Respostas to “Um desafio”

  1. quiva Says:

    eu só quero ver se essa imprensa vai declarar o título moral do Vitória…

  2. Mateus Borba Says:

    Me questionava sobre a mesma coisa que o ‘quiva’.

    Estava no Barradas e não vi, mas uma amiga me contou aos risos que o sempre genial Varela largou a pérola: “Se até a Argentina tomou de 6, porque o bahia não pode tomar de 4?” ou algo assim.

    Alguém soube dessa?

  3. John Says:

    Claro, Mateus.

    O Jahia jogou na altitude de Bonfim, é natural que os jogadores não tenham rendido o esperado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: